Páginas

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

alone..

E, mais uma vez, estou aqui
trancafiada nesse quarto escuro
com música alta e o coração apertado, pulsando devagar
solidão é o que vem me acompanhando de uns dias pra cá
é que às vezes penso que não sou daqui
às vezes penso que ninguém aqui pode, algum dia, sentir o que sinto
sendo assim, ninguém aqui poderia entender o que se passa..

Há momentos em que não queremos beijos
Não queremos dar aquele 'rolé' com os amigos
Tampouco ir àquela balada que estará bombando no sábado a noite
Queremos apenas ficar assim, soziinhos..
A pensar na vida, em nós mesmos ou, quem sabe, em nada..
Apenas ficar assim..
Tendo um momento de quietude
Nosso momento de quietude
Sem ninguém pra nos dizer o que é certo ou errado
O que devemos ou não fazer
Ou, até mesmo, o que podemos ou não sonhar..

2 comentários:

  1. haha postei hoje um poema sobre isso:
    http://www.arthurmelo.sintoonize.com/2010/10/certeza-incerta.html

    A solidão edifica nosso ser, com ela podemos nos avaliar, aprendemos a nos suportar.

    ResponderExcluir
  2. ai a solidão, visitante frequente minha.
    melancólico.

    http://jadenadaf.blogspot.com/

    ResponderExcluir